FANDOM


Chapolin 1
Chapolin e Chaves Pequeno

Palma, palma!! Não priemos cânico!!

Este artigo é pequeno, mas ser pequeno tem suas vantagens!! Ou não. Edite-o!!
Ramón Valdez
Ramón Valdez
Local de Nascimento Cidade do México (México)
Data de Nascimento 02/06/1923
Idade Falecido 64 anos (09/08/1988)
Atuou em Chaves
Chapolin
Personagens Seu Madruga
Super Sam
Diversos personagens em Chapolin
Peterete
Parentes Germán Valdez "Tin Tan" e Manuel "El Loco" Valdez (irmãos)

Ramón Gómez Valdez y Castillo, mais conhecido como Ramón Valdez foi um ator mexicano, que se imortalizou interpretando Seu Madruga em Chaves.

Biografia

Ramón Gómez Valdéz y Castillo nasceu na Cidade do México, mas ainda bebê se mudou com a família para Ciudad Juárez. Tornou-se ator assim como os irmãos, Germán "Tin Tan" Valdez (1915-1973), um dos maiores comediantes do México, e Manuel "El Loco" Valdez (1931).

Com um papel de um alcóolatra, Ramón entrou em 1969 no programa Los Supergenios de La Mesa Cuadrada, ao lado de Roberto Gómez Bolaños, Ruben Aguirre e Maria Antonieta de Las Nieves. Logo, Bolaños criou Chaves e Chapolin. Ramón foi convidado e aceitou participar das séries, alcançando grande sucesso.

Segundo os colegas de trabalho, Valdez era conhecido por ser muito parecido como o próprio personagem. Vestia-se com simplicidade e vivia a vida de forma tranquila, apesar de ter personalidade forte. Todos tinham respeito e admiração por Valdez. Bolaños afirmava constantemente que ele era um dos maiores atores do México.

Ele ficou no programa até 1979, quando Carlos Villagrán, o Quico, deixou o elenco para ter seu programa solo, após desentedimentos com Bolaños. Todos do elenco tinham admiração e respeito por Valdez; o mesmo não ocorria com Villagrán, que acabou isolado. Valdez foi o único que continuou a ter amizade com Villagrán e acompanhou-o na carreira solo (sendo substituído por Raul Padilla).

Durante o tempo em que ficou fora das séries, de 1979 a 1981, foi alvo de críticas de Bolaños. Em 1979, Bolaños deu uma entrevista em que criticava muito Ramón e Villagrán. Sobre Valdéz, Chespirito disse que ele não tinha nenhum engenho, era mais barato que Villagrán e que estava louco.

Como Bolaños sentia muita falta de Valdez, apesar das críticas virulentas, tempos depois, em 1981, ele retornou ao elenco de Chespirito, após desentendimentos com Villagrán. Entretanto, a alegria durou pouco e ele ficou por pouco tempo. Sua segunda saída aconteceu por problemas de saúde e desentendimentos com Florinda Meza, a respeito da composição dos personagens interpretados por Valdez. Como Meza alcançava também as funções de produtora e diretora de Chespirito, ela começava a dar sugestões que nada agradaram ao ator.

Vida pessoal

Ramón Valdez casou-se três vezes e teve dez filhos. Uma de suas esposas foi a cantora mexicana Aracely Julián. Ele é tio de Cristian Castro , famoso cantor mexicano e filho de Verónica Castro com Manuel "El Loco" Valdez.

Fumante inverterado, Ramón Valdez começou a ter complicações com sua saúde a partir de 1988. No tempo em que ficou internado do hospital, seu filho Rafael Valdez conta que Ramón fumava escondido das enfermeiras. Porém, duas semanas antes de morrer, entrou em coma e faleceu após complicações do câncer de pulmão.

O falecimento de Ramón Valdez chocou a todos os colegas de trabalho. Maria Antonieta de las Nieves soube da morte do colega de trabalho durante a apresentação em uma turnê de seu circo e saiu de cena chorando, pois considerava-o como um pai. Angelines Fernandéz ficou horas ao lado do caixão expressando "Mi Roro, mi roro". Edgar Vivar sente saudades das vezes em que dava carona a Valdez até os estúdios, pois moravam praticamente a poucos metros de um do outro.

Morte

Um fumante assíduo, Ramón foi internado com um câncer. Faleceu no dia 9 de aosto de 1988. Carlos Villagrán disse que o visitou e combinou "se encontrar com ele no céu", mais Ramon se contrariou, mantendo o bom humor e disse "Não se faça de louco, nos vemos lá embaixo no inferno". Sua morte foi duramente sentida pelos amigos mais próximos: Segundo sua filha, Angelines Fernández ficou muito tempo ao lado do túmulo de Valdez, conversando com ele. Edgar Vivar diz ter sabido da notícia ao voltar de uma viagem, ainda no aeroporto. Bolaños disse que o único humorista que já o fez rir de verdade foi Valdez. Maria Antonieta se emocionou em uma entrevista em uma pergunta sobre Valdez, chorando muito, de Las Nieves disse que Valdez era como seu pai.

Atores
Séries Clássicas: Roberto Gómez Bolaños - Carlos Villagrán - Ramón Valdez - Maria Antonieta de Las Nieves - Florinda Meza - Ruben Aguirre - Angelines Fernández - Edgar Vivar - Raúl "Chato" Padilla - Horácio Gómez Bolaños - Anna Lílian de La Macorra
Participações: María Luisa Alcalá - Ricardo de Pascual - Regina Torné - Abraham Stavans - Germán Robles - Hector Bonilla - Maribel Fernández - Rosita Bouchot - Janet Arceo - Ángel Roldan - Marta Zabaleta - José Luis Amaro - Olivia Leiva - José Antonio Mena - Arturo García Tenório - Raúl Padilla "Chóforo" - Ramiro Orcí - Jorge Gutiérrez Zamora - Angélica Maria - Rocío Prado - Eugenia da Silva - Luz Elena Silva - Yula Pozo
Clube do Chaves: Moises Suárez - Anabel Gutiérrez - Arnoldo Picazzo - Roberto Gómez Fernández - Benny Ibarra - Veronica Fernández - Maria Clara Zurita - Eduardo Palomo - Carlos Pouliot - Eduardo Shilinsky - Pedro Romo - Rodolfo Rodrígues

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.